30 de novembro de 2013

Portuguesa com certeza | Infolide 2013


Mariana Santos tem um história incrível. Cheia de idas e vindas, a portuguesa, nascida em Faro, graduou-se em Lisboa, passou pela França, Alemanha, Suécia, trabalhou no Guardian, no Reino Unido, foi para o Chile pelo Knight Center e agora está na Costa Rica. Ufa! Alguém pode fazer um mapa disso tudo?

Ela também tem histórias incríveis! Suas andanças pelo mundo lhe garantiram experiências marcantes que foram compartilhadas com todo o publico do Infolide2013.

"Eu poderia falar em português brasileiro, mas me sinto meio rídicula", já vai avisando no começo de sua palestra no Infolide2013. Relaxa, Mari, a gente te compreende perfeitamente!

Mariana mostrou alguns exemplos do Guardian, como gastos públicos e o city guide de Mumbai. Foram trabalhos inovadores, bem trabalhados em design e articulação de equipes de visualização de dados, conteúdos multimídia e comercial. Foram resultados de trabalho em equipe. "Não há essa coisa de eu. É nós! É nóis!", no melhor estilo brasileirês.

mariana santos infolide 2013


Na redação do Guardian, Mariana chegou desrespeitando a primeira regra não escrita do jornal: nunca mande um e-mail 'for all'. Há dois anos das Olimpíadas de 2012, Mariana mandou um e-mail 'for all': "vamos fazer um brainstorm para as Olímpiadas?". Em algumas horas, mais de 100 pessoas responderam ao seu chamado geral. entretanto, uma das chefes do Guardian proibiu o encontro! "O processo se colocou na frente da criatividade de todo mundo, o que foi uma pena", disse Mariana

A chica poderosa não se desanimou e movimentou sua equipe em vários projetos para os jogos, como o de visualização das arenas e até um incrível jogo hipster estilo 8 bits! "Na natação, você podia competir contra jesus andando sobre as águas! Quanto mais ridículo fosse, melhor".

Agora no ICFJ Knigh Fellow, Mariana chegou ao Chile movimentando toda a equipe. "Ser estrangeira me deu uma certa vantagem - e uma grande responsabilidade". Com uma equipe de designers, jornalistas e programadores, ela fez o especial de 40 anos do golpe no Chile

"Espírito de equipe vence todas as adversidades", concluiu Mariana.