30 de novembro de 2013

Infografia e Nostradamus | Infolide 2013


Desastres, revoluções, caos, crise, gente a menos. É o apocalipse? É o fim do mundo? Não! São as redações jornalísticas, perdidas no meio da modernidade e mudanças da segunda década do século XXI.

fabricio miranda infolide 2013


Fabrício Miranda, diretor de arte da Super, fez o papel de futurólogo no Infolide2013. Ele mostrou 6 tendências que vão fazer parte do futuro dos infográficos e vááários exemplos:

1. INTERACTIVE
Interativo, mas não totalmente navegável/personalizável

Your Daily Dose of Water
Exemplo de gráfico da Good com a Levi's. Marketing + Editorial

Paths to the White House
Medalha de prata no Malofiej 2013, é interativo, mas tem um número limitado de possibilidades

Evolution of the Web
"A sensação de interação, de manipulação, serve como gatilho para prender o leitor"

Snow Fall
"A 'snowfallização' da infografia!" Esse foi um mega trabalho jornalístico com conteúdo interativo e integrado - e a materia virou referência


2. MOTION
Narrativa linear, sem interação. "O leitor é pego pela mão e recebe uma sequência de informações"

The Solar System
Conteúdo editorial em vídeo.
"Você pode dar um livro sobre como o sistema solar funciona ou passar esse vídeo"

Lolo Jones
Feito com sensores, foi medalha de ouro do Malofiej2013


3. REAL TIME
Ininterrupto, com monitoramento e tracking

Kepler's Tally of Planets
O que a sonda Kepler, da Nasa, está captando pelo espaço

Guns
Quantas pessoas são mortas com armas de fogo nos EUA

Wind Map
Google reuniu dados de ventos nos EUA


4. USER INTERFACE
É o mesmo que o interactive, mas o usuário consegue alterar a base de dados
Exemplos: apps de finanças, como o mint.com


5. CONTENT
Baseado em dados do usuário
Exemplo: mapa de palavras/sentimentos do Foursquare


6. VISUAL ART
Infografia não com finalidade editorial, mas como expressão artística

Feltron 2012
Um catálogo pessoal de costumes durante um ano