4 de novembro de 2012

Cobertura Webcombrasil | INFOLIDE 2012

infolide 2012

Confira o áudio da cobertura feita pela Webcombrasil durante o Infolide 2012:

Webcombrasil Chico Homem de Melo

Webcombrasil Fabio Marra

Webcombrasil Fabio Uehara

Webcombrasil Guilhes Damian

Webcombrasil Mario Kanno

Webcombrasil SImon Ducroquet

22 de outubro de 2012

Fotos + impressões gerais | INFOLIDE 2012

Tiago Veloso, do site Visual Loop, fez um resumo do Infolide 2012 no ótimo post "Impressões gerais". Vamos deixar só o comecinho do texto aqui para dar uma ideia:

"Chegou ao fim o INFOLIDE. Durante os três dias do evento, mais de duas centenas de pessoas passaram  pela ESPM (São Paulo), um recorde absoluto naquela que foi a sexta edição do evento. E depois do sucesso, a organização só pensa na edição de 2013."

Para continuar lendo, vá para visualoop.com.

Henrique Nardi, da Tipocracia, fez as fotos que você pode conferir na galeria abaixo (flickr):



Obrigado Tiago e Henrique por ajudarem na realização e divulgação do INFOLIDE 2012.

20 de outubro de 2012

Jaime Serra: arte pode ser infografia?



Jaime Serra (@ja_serra) é considerado "O infografista mais influente do mundo dos últimos 20 anos". Definitivamente o espanhol tem algo para nos ensinar. E foi isso que fez no Infolide2012.
Serra se autodenomina jornalista, colunista e artista multidisciplinar. Infografista também, mas um ser humano com um blog - e uma foto com um cigarro no perfil do twitter. É redator-chefe adjunto no La Vanguardia e publica semanalmente uma coluna utilizando“métodos de linguagem científica de infografia”. Pareceu estranho?
Ele utiliza infografia, mas também outras técnicas que aprendeu nos últimos 25 anos de atividade jornalística - até texto escrito!
Seus temas variam, mas falam principalmente da vida cotidiana: relacionamentos amorosos, com "Thank You For Your Love", de Antony and the Johnson como tema de fundo; uma mulher divida entre seus dois amores; a relação de um homem e seu cigarro. Mas os temas vão além da esfera pessoal. Uma de suas colunas fala sobre a mutilação genital feminina em diversos países do mundo. 
Confira parte desse trabalho aqui: http://pt.scribd.com/doc/88304764/Una-paradoja-dominical

Jaime faz tudo. "Tenho total liberdade para apresentar o que quero e do jeito que quero". Infografia, vídeos, textos e o que mais for utilizado na coluna é de sua autoria.  
Sua palestra englobou muito do que vimos nesse sábado de congressos do Infolide2012. O designer-jornalista convergente e a infografia que gera conteúdo e pauta a redação.

19 de outubro de 2012

Workshops INFOLIDE 2012 - cenas do primeiro dia



Mario Kanno 

É amanhã | INFOLIDE 2012

INFOLIDE 2012, amanhã, na ESPM-SP



6ª Mostra Nacional de Infografia está no ar!

mostra

Amanhã (20.out), a ESPM, em São Paulo, onde vai acontecer o ciclo de palestras e workshops INFOLIDE 2012, também recebe a exposição com os painéis dos destaques da 6ª Mostra Nacional de Infografia.

Os trabalhos foram selecionados entre os mais de 300 infográficos que compõem a Mostra 2012.

Para escolha dos destaques foram convidados professores e diretores da universidade e profissionais de design e infografia. Ainda não é um prêmio, mas foi a maneira encontrada para dar visibilidade ao crescimento e maturidade da infografia brasileira.


O resultado final de 2012, com todos os trabalhos, pode ser baixado aqui:
- completa, em baixa (25mb)
artigos + jornais, em alta (135mb)
revistas, em alta (142mb)
didáticos, online e outros, em alta (52mb)

Mostra existe desde 2006 e reúne infográficos de jornais, revistas e de meios eletrônicos de todo o Brasil.

Ainda dá tempo de conferir a exposição dos infográficos escolhidos pelo júri e assistir aos palestrantes da Conferência Infollide 2012. Inscrições podem ser feitas na porta do evento pelo preço do 3º lote (em dinheiro ou cheque):
• R$ 150,00
• R$ 120,00 (estudantes)

18 de outubro de 2012

Inscrições pelo site encerradas | INFOLIDE 2012

Infolide 2012

As inscrições pelo site estão encerradas.

Se você não fez sua inscrição para a Conferência INFOLIDE 2012 pela internet, tem uma última chance.

Ainda pode fazer sua inscrição na porta do evento pelo preço do 3º lote (em dinheiro ou cheque):
• R$ 150,00
• R$ 120,00 (estudantes)

Interessados de última hora nos workshops de Jaime Serra e de Jorge Oliveira liguem para Bebel Abreu no (11) 97040-0203.

16 de outubro de 2012

Inscrições no site só até amanhã | INFOLIDE 2012

Infolide 2012
As inscrições no site para o INFOLIDE 2012 vão só até amanhã (quarta, 17.out).

Garanta já sua vaga.

Infolide 2012

11 de outubro de 2012

Atenção: o prazo está acabando | INFOLIDE 2012


Inscrições no site até o dia 17 de outubro (falta só uma semana). 
Depois, apenas na porta no dia do evento.

Corram.


9 de outubro de 2012

6ª Mostra Nacional de Infografia vem aí!

mostra







Na terça-feira, dia 2 de outubro, mais de 10 jurados, entre profissionais de diversos veículos e professores da ESPM, se reuniram na sala de estudos da universidade na Vila Mariana, São Paulo, para escolher os trabalhos destaques da 6ª Mostra Nacional de Infografia.

A edição de 2012 recebeu mais de 250 infográficos de todo o país. Desses, 20 selecionados estarão presentes na exposição montada na ESPM entre os dias 18 a 20 de outubro, quando ocorrerá o Infolide 2012.

A Mostra existe desde 2006 e reúne infográficos de jornais, revistas e de meios eletrônicos de todo o Brasil. O resultado final, com todos os trabalhos, também será apresentado no Infolide 2012.

Para ter acesso às edições anteriores da Mostra, visite http://www.infolide.com/p/mostra-de-infografia.html

mostra1
Sala de estudos da ESPM com trabalhos dispostos sobre as mesas
mostra2
Professor Eugênio Bucci (ESPM-SP e ECA-USP) avalia trabalhos
mostra3
Renato Essenfelder, professor da ESPM-SP
mostra4
Glauco Lara, O Estado de S. Paulo
mostra5
Professor Cláudio Bueno, da ESPM-SP

Após o final da avaliação dos trabalhos, alunos da ESPM visitam a sala

mostra6
mostra7
mostra8
mostra9

4 de outubro de 2012

Novo palestrante | INFOLIDE 2012



Simon Ducroquet
[ infografista da Folha de S.Paulo ]
Está na Folha desde 2008, onde trabalha com a produção de videográficos, mapeamento de dados e reportagem em infografia. Já foi premiado pela Society for News Design e recebeu dois prêmios Malofiej. Também foi indicado para o prêmio Esso de Jornalismo. É jornalista pela UFPR e artista gráfico pela UTFPR.

Palestra: "Videográfico: quando a infografia se mexe e fala"
Simon Ducroquet vai expor as experiências recentes com a introdução dos videográficos na Folha de S.Paulo. Vai mostrar o processo de produção, os desafios e perspectivas desse tipo de linguagem. Em especial, vai mostrar os bastidores do videográfico 100 metros em 100 anos, que descreve a técnica de corrida de Usain Bolt.

25 de setembro de 2012

Como Jaime Serra revolucionou a infografia

[ Por Marcelo Pliger ]*

Jaime Serra é uma figura genial. Foi apontado como o infografista mais influente dos últimos 20 anos e autor do infográfico mais influente desse período. A escolha foi resultado de uma votação organizada este ano pelo Malofiej, congresso mundial de infografia. Minha impressão é que a influência ainda será sentida por um bom tempo. Pode-se afirmar a injustiça com outros profissionais igualmente importantes, mas é difícil duvidar da justiça em relação à indicação do seu nome.

Mas por que ele é tao bom? Para tentar entender isso precisamos analisar duas fases de seu trabalho. Primeiro, temos de voltar aos anos 90 quando os jornais consolidavam o uso de computadores em suas redações. Naquela época, programas de ilustração vetorial detinham o monopólio das ferramentas usadas pelos infografistas. Podemos dizer que haviam duas grandes escolas: uma de perfil mais técnico  e científico que buscava reproduzir os fatos da maneira mais fiel possível (imagem 1) e a outra de contorno mais artístico e pop,  que fazia uso de metáforas e de humor para atrair e facilitar a compreensão das informações pelo leitor (imagem 2). É claro que essa divisão não era definida tão nitidamente e profissionais flertavam com um ou outro estilo.
Jaime_Serra_imagem 1
Imagem 1 - clique na imagem para ampliar
Serra era um jovem espanhol interessado em artes gráficas que foi atraído para trabalhar em um jornal devido a possibilidade de trabalhar com computadores. Esteve envolvido com a turma que, liderada por Mario Tascón, explorou o potencial da nova máquina para produzir bom jornalismo. Após alguns anos, em 1996, Serra foi convidado a migrar para a Argentina afim de criar o departamento de infografia do jornal Clarín. Em apenas um ano, a novíssima equipe organizada por ele ganhou um número considerável de prêmios apresentando trabalhos inovadores que impulsionavam a infografia a um novo patamar de possibilidades comunicativas e projetando Serra como um infografista conhecido em diversos países.
Jaime_Serra_imagem 2
Imagem 2 - clique na imagem para ampliar

Numa primeira avaliação é possível dizer que o segredo do sucesso desses trabalhos foi o uso de outras ferramentas além da ilustração vetorial. Serra passou a criar infográficos com fotografias, colagens, esculturas, pinturas, maquetaria e até mesmo azulejaria. Mas essa conclusão é equivocada. O que realmente fez a diferença foi a maneira como esses materiais foram usados. Um dos melhores exemplos disso é o gráfico do pão (imagem 3). No lugar de um simples gráfico de pizza sobre as faixas salariais ganhas na Argentina, Serra usou a imagem de um pão dividido em fatias, cada fatia referente a uma faixa salarial específica, sendo que a maior faixa, a maior fatia, indicava a parcela daqueles que não ganhavam dinheiro o suficiente para comprar uma sexta básica. Serra tirou essa fatia e completou com migalhas do pão o espaço deixado. A relação simbólica do pão como alimento é imediata. A relação da falta do pão, das migalhas, com a fome, também. É um gráfico claro e simples, mas com uma narrativa tão sofisticada quanto os melhores exemplos de literatura, fotografia, cinema, quadrinhos e pintura, entre outros. Serra e sua equipe fizeram algumas dezenas de trabalhos como esse e foram seguidos por profissionais do mundo todo. Os infográficos mais criativos e consistentes da revista brasileira Superinteressante, por exemplo, devem muito a esse tipo de narração que com o tempo passou a ser conhecido como estilo Clarín.
Jaime_Serra_imagem 3
Imagem 3 - clique na imagem para ampliar
A produção do Clarín desse periodo não apenas se posicionou cuidadosamente no meio das duas escolas de infografia que mencionei anteriormente, como criou uma nova forma de pensar o infográfico jornalístico, abrindo prescedente para a incorporação de técnicas de comunicação visual que enriquecem a mensagem jornalística. De certa maneira, é possível dizer que o trabalho produzido pela equipe de Serra nesse período é equivalente, na infografia, ao que significou o New Journalism, de Gae Talese e Tom Wolf, no texto jornalístico.

É preciso frisar também que grande parte do mérito desses trabalhos se devem ao grau de liberdade que Serra encontrou naquele jornal, naquele período. Hoje, crises financeiras e objetivos de mercado tendem a reduzir o espaço para experimentações dentro das grandes empresas de jornalismo. Serra passou cerca de cinco anos no Clarín, depois perambulou por outros paises como consultor até retornar à Espanha, onde trabalha no jornal La Vanguardia.

Quando eu me referia a um possível novo período de influência de Serra, não quis dizer que seria um período como o do Clarín nos anos 90.. Serra está produzindo um material completamente diferente, novo e talvez ainda mais instigante: uma coluna semanal infografada. Um espaço vertical estreito que ocupa com infográficos sobre os temas mais inusitados: um mapa de preferências musicais feito com marcas de pontas de cigarro apagados durante uma viagem, a comparação visual da vida sexual de três casais, um jogo de passatempo que mostra tipos de mutilação genital feminina, entre outras invenções (imagens 4, 5 e 6).
Jaime_Serra_imagem 4
Imagem 4 - clique na imagem para ampliar
O espaço tornou-se um laboratório de experimentações com a mesma liberdade dos anos do Clarín, talvez com mais liberdade. Dessa vez, sem deixar espaco para se confundir a inventividade desses infográficos com uma simples troca de ferramentas. A chave desses trabalhos não está mais na materialidade gráfica das ferramentas, mas no raciocínio gráfico, em formas surpreendentes de pensar visualmente.
Jaime_Serra_imagem 5
Imagem 5 - clique na imagem para ampliar
Serra está desconstruindo a infografia exercitando pequenas revoluções na estrutura de comunicação diagramática de informações que temos usado até aqui. É isso que torna o trabalho de Jaime Serra tão especial, uma capacidade de enxergar a infografia de forma tão revolucionária e provocativamente simples quanto as melhores ações artísticas de Marcel Duchamp.

Jaime_Serra_imagem 6
Imagem 6 - clique na imagem para ampliar
* Marcelo Pliger é designer de informação e infografista da Folha de S.Paulo. Entre outros prêmios, já recebeu medalhas de prata e bronze no Malofiej e é mestre em Comunicação e Semiótica com dissertação sobre a expressividade em infografia, pesquisa em que analisa parte do trabalho de Jaime Serra.



27 de agosto de 2012

Bios INFOLIDE 2012

bios


Ale Ferreira
Alexandre Ferreira
[ Diretor de Arte da Playboy ]
Palestra: "Fotografia em revista"
+ Mesa redonda
Foi diretor de arte da ELLE, Revista da Web, VIP, Estilo de Vida (InStyle) e Revista A. Pouco antes de entrar na Playboy, realizou o projeto gráfico da Época Negócios e, recentemente, da revista Alfa. Atualmente, é diretor de arte da Playboy. Como todo designer, tem diversos outros trabalhos no portifólio, mas considera revista sua especialidade.

Choco Homem de Melo
Chico Homem de Melo
[ Professor na FAU-USP e sócio da Homem de Melo & Troia Design ]
Palestra: "Linha do tempo do design editorial no Brasil"
Chico Homem de Melo é designer e professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, onde fez graduação, mestrado e doutorado. É sócio da Homem de Melo & Troia Design, um escritório com atuação voltada às áreas da educação e da cultura, onde desenvolve projetos de design editorial e design do ambiente. Entre seus clientes, incluem-se editoras, órgãos públicos e instituições culturais. É autor dos livros Linha do tempo do design gráfico no Brasil (em coautoria com Elaine Ramos), O design gráfico brasileiro — Anos 60, Signofobia, Os desafios do design e O design como ele é.

Fabio Marra
Fábio Marra
[ Editor de arte da Folha de S.Paulo ]
Mesa redonda
Fábio Marra é formado em publicidade e propaganda pela ECA-USP.
Trabalha há mais de 20 anos no mercado de jornalismo e é editor de Arte da Folha de S.Paulo desde 2007.
Tem diversos prêmios e indicações da Folha, Esso, SND e Malofiej.

Fabio Uehara
[ Coordenador de novos negócios da Companhia das Letras ]
Mesa Redonda
Trabalhou como Diretor de Arte em agência de publicidade, como webdesigner e designer gráfico. De 2003 a 2011, trabalhou na Companhia das Letras como Diretor de Arte. Desde o começo de 2012 está à frente de um novo departamento da editora, voltado às novas tecnologias aplicadas ao mercado editorial. Trabalha no desenvolvimento de e-books, aplicativos para tablets e smartphones, novos websites e outras formas de comunicação digital.

Guilhes Damian
Guilhes Damian
[ Editor de infografia do IG ]
Palestra: "Infografia: informação + entretenimento"
Mesa Redonda
Formado em Desenho Industrial pela Universidade Federal de Santa Maria, especializado em animação 2D e 3D pela Academia de Animação e Artes Digitais e pós-graduado em Programação e Produção de Games pelo SENAC. Iniciou sua carreira em 1998, dedicando-se inteiramente à internet e meios digitais. Aprendeu CMYK apenas na teoria, mas se vira bem em RGB e hexadecinal. Sobreviveu à bolha digital e nunca ganhou nenhuma stock option. Trabalhou nos sites das maiores publicações brasileiras e participou de projetos como a Usina do Som, a primeira rádio streaming brasileira. Atuou por mais de 10 anos com jornalismo e produção de conteúdo online.
É socio fundador da QUByte Interactive, estúdio brasileiro de games com foco em plataformas móveis. Em três anos, firmou parcerias estratégicas e de desenvolvimento em países como Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Inglaterra, Bélgica e China. Foi o primeiro estúdio brasileiro independente certificado pela Nintendo e Sony para desenvolvimento nos consoles Wii e Nintendo DS e Sony PS3. Os jogos da Qubyte somam, em todas as plataformas, mais de 10 milhões de downloads no mundo inteiro.
Hoje, atua no Internet Group como editor de uma das mais respeitadas equipes de infografia online do Brasil. Equipe reconhecida internacionalmente com 5 medalhas de bronze, 2 de prata e uma de ouro no premio Malofiej. A equipe é parte fundamental da estratégia da empresa em se diferenciar pela qualidade gráfica e excelência da informação.

Jaime Serra
Jaime Serra
[ Redator-chefe adjunto do La Vanguardia ]
Palestra: "Uma historia que contar"
Workshop: "A infografia não pode ser arte, mas bem, a arte sim pode ser infografia"
Jaime Serra Palou (Lleida, 1964) tem trabalhado nos últimos 25 anos com experiências dos limites da informação gráfica na mídia de massa.
Colunista, jornalista e artista multidisciplinar, é desde outubro de 2007, o redator-chefe adjunto do La Vanguardia, veículo em que publica uma inclassificável coluna sem precedentes e referências em outros meios.
Seu trabalho utiliza métodos e linguagem científica da infografia para abordar temáticas pertencentes ou relativas ao assunto, ao contrário do mundo externo.
Reconhecido pela Society for News Design como o infografista mais influente do mundo no período de 1992-2012, o seu trabalho tem sido reconhecido por mais de uma centena de prêmios internacionais.
Tem dirigido ou assessorado as áreas gráficas de, entre outros: o Intependent (UK) National Geographic Magazine (EUA); Corriere Della Sera, Il Sole 24 Ore, Gazzetta dello Sport, La Stampa (Itália), a Editora Abril , Folha de S.Paulo (Brasil), O Jornal de Catalunya, Grupo Vocento, Tele 5, El Mundo Deportivo (Espanha), Clarin, La Nación, La Voz del Interior, Olé (Argentina), El Comercio, La República (Peru) , Diário de Notícias, Jornal de Notícias (Portugal).
Ele tem lecionado e feito palestras no Art Directors Clube NY, Poynter Institute for Media Studies, Sociedade de Notícias Design (EUA), Universidade Nacional de La Plata, Buenos Aires, Universidade de Palermo (Argentina), Universitat Pompeu Fabra, Universitat Autònoma de Barcelona, ​​Escola Eina, IDEP, Escola Massana, FAD, da Universidade de Navarra, San Pablo CEU (Espanha), Instituto Internacional de Jornalismo José Martín (Cuba).

Jorge Oliveira
Jorge Oliveira
[ Editor de arte da Superinteressante ]
Workshop: "A criatividade nos tempos de iPad"
É designer e trabalha no mercado editorial há 8 anos. Passou por publicações jovens e de moda. Hoje é editor de arte da revista Superinteressante. Foi responsável pela migração da revista para os tablets em 2011 e está reformulando o projeto para as práticas atuais. Jorge é apaixonado por tecnologia e espera que as revistas digitais fiquem cada vez mais intuitivas e próximas da experiência que o leitor tem com o impresso.

Marcos Marques
Marcos Marques
[ Diretor de arte da Época ]
Workshop: "Capas criativas, capas vendedoras"
Trabalha com revistas desde 1988, quando começou na Interview. Logo em seguida, trabalhou nas revistas AD (Arte&Decoração), Gula, criou a primeira revista de viagem do Brasil, a Travel In, e o projeto gráfico da revista The Journal. Depois de alguns anos, Marcos deu um tempo com trabalho e foi tomar tequila em Cancun por um ano. Quando o dinheiro acabou, foi chamado para criar o projeto gráfico da revista Raça e, em seguida, a revista Forbes Brasil. Há 7 anos, é diretor de arte da revista Época, pela qual ganhou o Prêmio Esso de 2009 e, por duas vezes, o Prêmio de Melhor Capa da ANER (2009 e 2010).

Mario Kanno
Mário Kanno
[ Editor adjunto de arte da Folha de S.Paulo ]
Workshop: "Infografia: do texto ao infográfico"
É editor adjunto de arte na Folha de S.Paulo. Trabalha com infografia em mídia impressa desde 1989 e, mais recentemente, dedica-se à visualização interativa e novas mídias. Bacharel em Comunicação pela ECA-USP, deu aulas de infografia na USP, na Faculdade Cásper Líbero e no Istituto Europeo di Design. Criador e organizador da Mostra Nacional de Infografia, mantém um escritório de produção de infográficos editoriais e corporativos e um blog, onde disponibiliza material didático a interessados.

Ricardo Fiorotto
Ricardo Fiorotto
[ Diretor de Convergência da Ed. Globo ]
Mesa Redonda
É formado em Design de WEB, mídia impressa e pós-graduando em Cinema. Começou sua carreira como estagiário em algumas agências, passando depois pela revista Playboy e revista Crescer. Atualmente, é diretor de arte da Revista Autoesporte, primeira revista mensal do Brasil a sair no iPad.

Simon Ducroquet
[ Infografista da Folha de S.Paulo ]
Palestra: "Videográfico: quando a infografia se mexe e fala"
É infografista da Folha de S.Paulo desde 2008, onde trabalha com a produção de videográficos, mapeamento de dados e reportagem em infografia. Já foi premiado pela Society for News Design e recebeu dois prêmios Malofiej. Também foi indicado para o prêmio Esso de Jornalismo. É jornalista pela UFPR e artista gráfico pela UTFPR.